Vigilância promove ações em Combate à Dengue

Devido ao período de chuvas, a Secretaria Municipal de Saúde está em alerta em relação ao combate à Dengue e as outras doenças causadas pelo mosquito Aedes Aegypti, como a Zika Vírus e Chikungunya.

Para isso, o setor de Vigilância em Saúde, através dos Agentes de Endemias, está realizando uma série de ações no munícipio e distritos.

Entre as atividades realizadas estão as visitas em locais estratégicos, que possuem riscos de proliferação do mosquito; análise de larvas; e, em especial, a conscientização da população.

Em menos de 20 dias, a Secretaria da Saúde já recebeu 17 notificações de Dengue. Dos 17 casos suspeitos, 11 deram positivos, 02 negativos, e 04 estão aguardando o resultado dos exames.

Embora haja mais mobilização nessa época do ano, o combate à dengue deve ser feito de modo contínuo pela população.

Por isso, a Secretaria Municipal de Saúde pede para que a população reforce sua atenção em locais mais propícios para a proliferação do mosquito, como recipientes expostos à água da chuva como lixo, calhas, e ralos entupidos, pratos e vasos de plantas, reservatórios de água para animais domésticos, ocos de árvore, bromélias, caixas d’água e lajes.

Sintomas

Entre os principais sintomas da Dengue, estão: Febre alta > 38.5 °C; dores musculares intensas; dor ao movimentar os olhos; mal-estar; falta de apetite; dor de cabeça; manchas vermelhas no corpo. Em caso de dois desses sintomas ou mais, a orientação é para que a população procure a Unidade de Saúde mais próxima do seu bairro para realizar o tratamento adequado.