Jovem engenheiro e escritor recebe título de Cidadão Ituveravense

   Em sessão solene realizada na noite de terça-feira, dia 30 de setembro, o jovem engenheiro civil e escritor Guilherme Cavallari Bueno recebeu título de Cidadão Ituveravense.

   Ele é nascido em Ribeirão Preto, mas sempre residiu em Ituverava e sempre se considerou ituveravense. Em abril, a Câmara já havia outorgado o Título de Honra Ao Mérito para o jovem. Ambas as homenagens tiveram autoria da vereadora Andréa Fonseca Yamada Scotte.

   Atualmente com 24 anos, Guilherme é graduado em 2021 no curso de Engenharia Civil pela UFU (Universidade Federal de Uberlândia), onde segue seus estudos para se tornar Mestre em Engenharia pela mesma instituição.

   Autor de 30 livros, Guilherme que usou nome de ‘Sô Dico’ em suas obras, recentemente adotou novo  pseudônimo  Diego Buqueiro para os próximos trabalhos literários.

   Seu primeiro livro foi “A mansão de Cortez”, lançado em 2014 e os mais recentes são “Larissa das Neves e as confissões nefastas”; “Mêmesis”; “A borboleta máscara”; e “O gato, o rato e a sede”.

   A sessão foi conduzida pelo vice-presidente Herb Fonseca e contou com as presenças da autora Andrea Yamada e os vereadores Adauto Barbosa de Matos, Everaldo Alves Machado Dias “He-Man”, Edmilson Pereira Vaz “Miro”, Emanuel Cerruti Galindo “Mané” e Marcelo de Oliveira Cirilo “Kuru”.

   “Eu considero Ituverava minha cidade de origem que eu de fato amo e não digo da boca para fora, quando falo é porque é verdade, não gosto de tecer elogios falsos e trazer ilusões às pessoas, não me sinto bem com isso, portanto, é verdadeiro e real o amor que sinto por esta cidade que, assim como todas tem seus problemas que precisam ser enfrentados, mas estamos aqui para encarar os problemas”, declarou Guilherme.

   Para ele, no entanto, a formalização de ituveravense pelo Poder Legislativo tem um significado especial .

   “Significa que nós queremos você, como se dissessem como representantes do povo para mim e eu sinto como se o povo ituveravense me quisesse como um igual, querendo me incluir no seu grupo”, completou agradecendo. Ele também falou sobre o que motiva suas obras e a importância da Cultura para uma cidade e um país.

Homenageado retribui com presentes e obra dedicada à Câmara

   Durante sessão solene de entrega de Titulo de Cidadão Ituveravense na noite de Terça-feira, dia 30 de agosto, o homenageado, jovem engenheiro civil e escritor Guilherme Cavallari Bueno entregou à Câmara de Ituverava, um presente como uma forma de retribuir pela segunda homenagem.

   A primeira aconteceu no dia 19 de abril, quando recebeu Titulo de Honra Ao Mérito. Desta vez ele também entregou um um quadro com imagem da represa Dr. Paulo Borges de Oliveira, onde e inseriu um poema de sua autoria intitulado “O que eu faria para ser eu”.

   O Texto está disponível em seu endereço do Google Drive na pasta aberta para os leitores e existe no Centro cultural Professor Cícero Barbosa Lima Júnior, um quadro com o mesmo poema e foi escrito no ano de 2018 em março, próximo ao aniversário de Ituverava no dia 10 de março.

   “O quadro existe é de 2018 e agora resolvi entregar a Câmara e já tinha entregado na cerimônia anterior em forma de folhetos para os vereadores e pessoas da plateia”, recorda

   Também em homenagem à Câmara, entregou de presente ao Centro Cultural é um quadro emoldurado como vidro antirreflexo, contendo uma obra de artes plásticas de sua autoria que intitulou “Sobrado da Sorte”.                

“É a figura de um sobrado, uma casa alta com formato inclinado a 45 graus clássico de desenhar e simboliza a Câmara e não deixa de ser um agradecimento, mas fica um presente para a Cultura do município”, explicou. O quadro foi recebido pelo secretário de Cultura, Márcio Nogueira e está exposto no Centro Cultural.