Escritor ituveravense lança 26º livro

   O escritor ituveravense Guilherme Cavalari Bueno lançou dia 19 de fevereiro às 15 horas, seu 26º livro. A apresentação do novo trabalho será em formato o line, através do Grupo de Whatsapp do “Sô Dico”, pseudônimo usado por ele desde o primeiro.
   A obra, no entanto, trata-se de um livro de poemas, metafóricos inspirados, segundo o jovem autor, na letra de Aldir Blanc, da música “O Bêbado e a Equilibrista”, que foi inicialmente gravada pelo cantor e interprete João Bosco em 1979.
   O novo livro se chama “Metamorfóricamente”. “Esse título é devido as metáforas e visa transformar sentidos, através de provocações ao leitor tentando fazer algumas mudanças”, explica.
   Ele dedica o livro à sua professora do ensino fundamental Adriana Ribeiro Guimarães do antigo Colégio Anglo de Ituverava e que inclusive vai acompanhar o lançamento pelo grupo. Guilherme também agradece à Luciana Marra de Moraes que sempre faz as revisões de suas obras.
   “A música faz uma crítica à ditadura militar e fala sobre os artistas da época de maneira metafórica, então os poemas deste livro se propõem falar de diversos assuntos também usando metáforas, sendo basicamente essa a estrutura do livro”, explica o autor.
   O Grupo Sô Dico já foi diversas vezes utilizado para divulgar seus trabalhos pois os eventos presenciais com livros impressos estão inviáveis devido à Pandemia. Guilherme explica também que através do Grupo atende número maior de leitores e seguidores, dispensando plataformas que muitas pessoas teriam dificuldades de acesso remoto.
   Novidades
   Além do lançamento do 26º livro, Guilherme adiantou, em entrevista ao Jornal O Progresso, que já tem também, o 27º livro pronto, que será com os 200 primeiros capítulos do Folhetim do Palhaço Estrelinha que tem escrito desde 2017.
   “Agora tivemos uma pausa, mas pretendo voltar, pois o Folhetim já tem 225 capítulos e os 200 primeiros serão o volume primeiro”, esclarece.
   Ele comentou ainda que já iniciou o 28º trabalho. Este, porém, em língua Espanhola e que será um complemento de outro livro que ele tem escrito em Inglês lançado em 2008 que seja chama “Tulipas de Amor e Ódio” ou “Tulips of love and hate” e, assim como o livro em Inglês, será de poemas e terá tradução para o Português.
   Sô Dico, contudo, já está se preparando para o 29º livro. “Será de contos a princípio para crianças e abordará um teor de contos psicológicos que faz mergulhar no comportamento, no que sente e nas sensações de um personagem”, ressalta.
   “Serão contos que o Super Grampo, um personagem que é super herói inusitado que está em dois de seus livros, contando a sua relação com a Yorkchire Bombom, que é sua cachorra igual à minha Yorkshire Bombom, contando a relação sobre os momentos bons e os momentos difíceis. Tudo isso de uma maneira psicológica, e em primeira pessoa”, resume.
   O escritor informa também que tem mais projetos em mente, sendo um deles um livro de charges, que terá um cão de raça da Coreia do Norte e será um personagem que faz algumas provocações. “Tem outro livro do Super Grampo para falar para crianças sobre a importância das vacinas e outras coisas como um livro de ficção científica”, ressalta.
   Este, entretanto, será mais a longo prazo, mas ele também pensa num jeito complexo de escrever num misto com obras de artes, ciências e filosofia, além de ser um livro também psicológico como projeto anterior. E entre os planos do escritor tem ainda um projeto, mas dependerá de uma busca de informações que seria interessante para Ituverava. Este, contudo, prefere manter suspense. O escritor Guilherme Cavallari Bueno “Sô Dico” é engenheiro civil formando pela UFU (Universidade Federal de Uberlândia), onde cursa mestrado. Filho de Mauro Bernardes Bueno e Joana Cavallari Bueno